30 de jun de 2011

Carta aberta do Grupo OUSAR sobre a construção do Fórum dos Discentes das UEBA's


Construção do Fórum dos Discentes das UEBA’s

Há cerca de dois meses, professores das 4 universidades estaduais da Bahia, e estudantes da UESB e UESC, declararam greve, mobilizados em torno da precarização de suas universidades, resultado da falta de autonomia, dos cortes de verbas, falta de concursos públicos para professores, política de permanência irrisória, péssimos salários,  ausência de um plano de carreira e finalmente o  decreto 12.583, que reafirma o descaso com a autonomia das universidades, abre precedentes para mais corte de verbas, paralisação das contrações REDA, e não substitui professores afastados para fazer  especializações.
Desta maneira durante as atividades do movimento grevista, em um ato em Salvador, o Fórum foi concebido pelo movimento discente de todas as estudais que estava engajado nas mobilizações em suas universidades, na luta por uma universidade publica e de qualidade. Criado na necessidade de articular e fortalecer o Movimento Estudantil combativo das UEBA’s, para além de um momento de ascensão do movimento como a greve, mas para criar uma unidade política permanente em torno da defesa das universidades estaduais baianas.  O primeiro encontro foi na UEFS, tendo a presença de representantes das 4 universidades estaduais. O fórum teve o caráter de definir as leituras gerais a cerca das políticas educacionais do governo Wagner, amadurecer as pautas do movimento, iniciando o debate sobre a popularização da Universidade e tirando atividades unificadas.
O II Fórum aconteceu na UESB em Jequié e após uma avaliação sobre onde teria mais estudantes envolvidos, acabou sendo transferido pra Salvador, onde aconteceria um ato na Assembléia Legislativa da Bahia, que culminou na ocupação da mesma.
A Ocupação contava com professores e estudantes, das 4 universidades estaduais e de outras universidades, representava uma resposta mais incisiva ao governo do estado que havia cessado as negociações com o movimento grevista e era gerida em plenárias com todos os participantes. Logo após a ocupação da Assembléia Legislativa da Bahia (ALBA) o fórum se reuniu tanto para avançar nas discussões programadas, assim como para se organizar a sua intervenção durante ocupação e contando com a maioria dentre os militantes da ocupação, as pautas estudantis e a defesa das UEBA’s foram colocadas em debate de maneira mais unitária e qualificada, Assim após um ato pelas ruas do CAB pensado pelo Fórum de discentes, que reuniu estudantes e professores, no segundo dia de ocupação colocou-se a discussão sobre as universidades estaduais da Bahia na pauta do dia, alçando a mídia nacional aumentando a pressão sobre o governo. O Fórum se fortaleceu ainda mais com as atividades e discussões, sobre opressões, autonomia universitária, projeto popular de universidade, etc. desenroladas ao decorrer da ocupação. Assim após 7 dias de ocupação, depois da retomada das negociações por parte do governo estadual foi deliberado à saída da ALBA.
O III Fórum aconteceu na Universidade Estadual de Santa Cruz, 18 e 19 de julho, com a participação maciça de estudantes das 4 universidades estaduais, o Fórum teve como principais pontos de pauta, o amadurecimento sobre permanecia estudantil e autonomia universitária. Sobre permanência, foram colocados 5 eixos principais: Bandejão, Residência, Bolsas, Creche e Posto de Saúde. Transporte público também foi inserido nas discussões, mas para ser amadurecido nos próximos encontros.
Em relação à autonomia Universitária, foi discutida principalmente a lei 7176/96, mas diante da profundidade do tema se percebeu a necessidade de um próximo fórum com uma discussão mais qualificada sobre ela.
Foi produzida no fórum uma carta de princípios, onde expõe principalmente as suas avaliações sobre permanência estudantil e encaminhada uma atividade unificada de apresentação do Fórum. O próximo encontro será na UESB, Campus de Vitória da Conquista, 05, 06 e 07 de agosto.

Grupo OUSAR – UEFS
Feira de Santana - Bahia

Contato: e-mail - ousaruefs@hotmail.com / Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário